PIB GUARAPUAVA – UM RESUMO DA NOSSA HISTÓRIA

O TEMPO DE PREPARAÇÃO

Têm-se registros de que havia um desejo por parte da Convenção Batista Paranaense, de instalar um trabalho em Guarapuava pelo menos já a partir de 1950. Na 30º. Assembléia da Convenção, realizada na cidade de Ponta Grossa em janeiro de 1950, foi externado tal preocupação visionária de difusão do evangelho no centro do Paraná. Naquela ocasião foi lançado um apelo veemente neste sentido: “…que se promova, sem perda de tempo, a fundação de um trabalho em Guarapuava, de onde poderá se irradiar a ação do Evangelho para muitos lugares”.

Existe outro registro que demonstra a visão missionária da Junta Richmond para com esta cidade. Esta Junta Missionária havia adquirido dois lotes urbanos na cidade, algo em torno 1956. E, no ano de 1962 mais um lote fora adquirido na finalidade de instalação do trabalho batista.

Qual seria a dificuldade para se iniciar os trabalhos? Já havia o forte desejo por parte da Convenção Batista Paranaense, e também a visão da Junta Richmond, o que faltava então para que o trabalho enfim fosse iniciado? Segundo registros, o problema residia em não se encontrar obreiro disponível que aceitasse o desafio.

O INÍCIO DO TRABALHO

Em 3 de dezembro de 1969 chega a cidade o missionário inglês Eric David Martin e sua esposa Charmiam. Eles estavam no Brasil desde fevereiro de 1968. Primeiro em Campinas (SP) para estudar a língua portuguesa e a partir de fevereiro de 1969 na cidade de Ponta Grossa para cumprir um estágio na Primeira Igreja Batista em Ponta Grossa.

Em julho de 1969 recebeu o convite da Junta Executiva da Convenção Batista Paranaense, para iniciar o trabalho nesta cidade. Nesta ocasião foi firmado o alvo de uma oferta de Missões Estaduais no valor de Cr$ 10.000,00, para abrir este novo trabalho. O valor era suficiente para construir um templo simples.

No dia 20 de janeiro de 1970 foram feitas as primeiras visitas a interessados, batistas (que participavam na época em outras igrejas evangélicas), emissora de rádio e comerciantes. Dia 29 de janeiro foi realizada a primeira reunião com interessados para discutir planos e primeiros passos para a organização do trabalho – foram eleitos um secretário e um tesoureiro, dois professores para classes para Escola Bíblica (crianças e adultos). O primeiro trabalho realizado foi um culto de oração com a participação de 5 pessoas, na quinta-feira dia 05 de fevereiro. No domingo seguinte, dia 08 de fevereiro, aconteceu a primeira Escola Bíblica Dominical com a presença de 8 pessoas.

Em 1 de março daquele ano foi apresentado o primeiro programa de rádio: A Voz Batista em Guarapuava. Este programa passou a ser semanal e de duração de 15 minutos.

Os trabalhos inicialmente foram desenvolvidos na casa do missionário, mas os trâmites da autorização para construção do templo já estavam em andamento. No dia 24 de maio de 1970, inclusive, ainda faltando vários acabamentos, foi realizado o primeiro culto no templo. E no dia 20 de junho daquele ano, e no mesmo lugar onde hoje se encontram os trabalhos, na Rua General Rondon, foi inaugurado o templo com a presença de 200 pessoas aproximadamente. Muitos batistas de cidades vizinhas estiveram presentes como também visitantes de outras igrejas evangélicas.

A primeira conferência evangelística ocorreu em 17 a 21 de agosto, tendo como preletores Pr Altair Prevedello, Pr Avelino Ferreira e Pr Horst Treumann. A assistência média foi de 130 a 140 pessoas por noite.  Naquele esforço Deus abençoou o trabalho com 23 conversões.

Dia 22 de novembro de 1970 aconteceu a primeira profissão de fé e foi marcado o primeiro batismo. A congregação Batista em Guarapuava findou aquele primeiro ano com 13 membros em seu rol.

A primeira etapa deste trabalho termina com a saída do Missionário Eric David Martim deixando a congregação em dezembro de 1972 com 32 membros, sendo que destes ainda continuam conosco até a data de hoje os irmãos Sebastião Lustosa e Irondina Rodrigues.

Serviram também ao Senhor a frente da então congregação os missionários Keith Hodges 1973-jul/1975; Reinaldo Sniker  jul/1975-maio/1976.

A ORGANIZAÇÃO DA IGREJA

A congregação, filiada até então a Primeira Igreja Batista de Ponta Grossa, foi organizada em igreja no dia 08 de janeiro de 1977, com 43 membros. No mesmo dia também tomou posse Osnildo Walter Vieira como pastor da igreja então organizada. Este pastoreou este rebanho até janeiro de 1981. No tempo do Pr Osnildo a igreja ampliou sua área – terreno. A igreja possuía um lote localizado em outro ponto da cidade, o qual foi permutado com o lote que fazia divisa lateralmente ao que se encontrava o templo, passando a ter aproximadamente 2000 m2 contíguos.

SUCESSÃO PASTORAL

Sucederam o Pr Osnildo como pastores desta igreja os seguintes irmãos:

Pr Airton Alexandre Pires (interino) – Jan/82 a Dez/82;

Pr Edílson Soares de Souza (?) a Abr/85;

Pr Roney Ribeiro Gadelha – Nov/1985 a Jan/87;

Pr Nagir de Freitas Antunes – Fev/88 a Jan/1991;

Pr Aníbal Morinígo – Mar/92 a Fev/99;

Pr Amaro Martins Neto (interino) – Jun/99  a Jan/2000;

Pr Heinrich Friesen – Mar/2000 a Abr/2002;

Pr Roberto Monchiari Werneck – Set/2002 a Dez/2006.

Pr Horst Jorge Bubans – Fev/2007 – (ministério em exercício)…

CONSTRUÇÕES

Em dezembro de 1983 foi eleita Comissão para Construção de um Pavilhão de Educação Religiosa e Casa Pastoral.

A casa foi concluída primeiro – sua consagração foi em  21.10.84.

Conclusão do Prédio de Educação Religiosa, ocorreu em torno de 1990

Parte do andar superior serviu de templo até a data de hoje – dez/2010;

Colégio Batista – a outra intenção para o prédio era iniciar ali um Colégio Batista. Então ao construir este pavilhão, 9 salas já foram preparadas com quadro negro. Contudo este sonho não se concretizou.

2005 – Projetou-se a construção do novo templo. Foi adquirido e colocada no local uma estrutura de pré-moldado medindo 14mx35m. Mas por algumas dificuldades a construção não deu seguimento. Foram Levantadas paredes até meia altura e a obra foi paralisada.

2010 – No mês julho deste ano retomou-se a construção do novo templo. A previsão de uso do novo ambiente é para maio de 2011, mesmo que ainda se encontre inacabada. Sonho para conclusão da Obra é final de 2011.

MEMBRESIA

A igreja foi organizada com 43 membros (1977) e segundo pode-se apurar chegou a 144 membros (1996). Depois vários revezes, embora muito esforço e trabalho, a igreja sofreu perda de muitos membros e não se tem registro que tenha retornado ao patamar acima citado.

Este ano (2010) iniciou com 42 membros, um a menos do que na sua organização. Atualmente (nov/2010) a igreja conta com 47 membros, e considerando o batismo programado e as transferências em trâmite, devemos findar o ano com 53 membros. Um crescimento de 26%.

A HISTÓRIA CONTINUA

Mais alguns dias, e certamente novos registros da Maravilhosa Graça de Deus experimentada por nós serão aqui acrescidos. Temos forte desejo que esta história continue. Que a cada dia que passa a história desta igreja seja escrita conforme a vontade de Deus. Queremos sempre andar segundo Seus propósitos, e tendo a disposição de aceitar e cumprir os desafios que o Senhor nos lançar. Você quer escrever conosco esta história?

A Deus seja toda Honra, toda Glória, todo Louvor…

Guarapuava(PR), 12.12.2010

Pr Horst Jorge Bubans

Pastor-presidente